Estratégia de RH: Responsabilidade Social Empresarial (RSE)

Uma estratégia de RH que é capaz de transformar toda realidade interna e externa da sua empresa chama-se Responsabilidade Social Empresarial (RSE).
A Responsabilidade Social Empresarial não é uma expressão utópica e muito menos se restringe a sonhadores e ambientalistas como muitos ainda acreditam por aí.
Hoje, a Responsabilidade Social Empresarial é uma ferramenta de marketing muito eficaz para as empresas; tanto a âmbito interno quanto externo.
E engana-se quem pensa que isso só serve para médias e grandes empresas. Cada vez mais empreendedores estão utilizando a RSE como diferencial no mercado.
Exemplo disso aqui na região sul é a Farmácia Nativa, de São Lourenço do Sul (RS), que foi reconhecida com o prêmio de Destaque de Responsabilidade Social em 2016.
A Premiação Nacional Movimento Brasil Competitivo (MBC) para micro e pequenas empresas foi realizada pelo Sebrae com apoio técnico da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) e elegeu 10 organizações como modelo de gestão e competitividade no Brasil.
estratégia-de-rh.jpg

5 Benefícios da RSE para sua Estratégia de RH.

Contratações assertivas para as empresas, maior integração das equipes através da comunicação, redução de custos, aumento da produtividade  e presença de uma cultura de conduta ética empresarial são os cinco benefícios que a RSE irá proporcionar ao RH da sua organização.

1. Contratações assertivas para as empresas.

Encontrar e contratar profissionais competentes e colocá-los no lugar certo não é algo tão simples assim. Só quem é da área de RH sabe bem o que estou dizendo!
É preciso ocorrer um fit cultural; um “encaixe” do candidato dentro da cultura da empresa quanto a sua missão, visão e valores. Este alinhamento de ideias é fator determinante para a conquista de funcionários motivados e comprometidos em manter a imagem e o sucesso da empresa no mercado.
Quanto à RSE, um relatório da The Net Impact, ONG de apoio às causas sociais e ambientais, divulgou em 2011 que - na opinião de mais da metade dos colaboradores consultados - trabalhar em empresas que possuem propósitos de contribuir para um mundo melhor não é apenas algo importante, mas essencial para os trabalhadores.
comunicação-como-estratégia-de-rh.jpg

2. Maior integração das equipes através da comunicação.

Quanto mais qualidade tem a comunicação interna entre os membros das equipes, maior é o desenvolvimento das empresas.
A Willis Towers Watson, líder mundial em consultoria, divulgou uma pesquisa em 2011 que apontou o aumento em 47% do retorno sobre o investimento de organizações que possuíam um processo de comunicação eficaz.
A estratégia de RH que visa Responsabilidade Social Empresarial naturalmente colabora para a eficiência da comunicação interna das empresas durante o processo de desenvolvimento de novos projetos.
Este envolvimento acaba refletindo positivamente nas diversas áreas da organização. Desta forma, com as equipes de trabalho mais conectadas entre si, de modo geral, as empresas conseguem:
  • Oferecer maior qualidade dos seus produtos e serviços;
  • Reduzir custos;
  • Ter agilidade em suas operações.
  • Ter vantagem competitiva no mercado que atua.

3. Redução de custos para as empresas.

Investir em RSE como estratégia de RH reduz os custos de recrutamento e até operacionais das empresas.
Quando você encontra o profissional certo e interessado em Responsabilidade Social Empresarial há um forte indício de que esta pessoa é comprometida com sustentabilidade na sua própria vida.
Quem colabora com práticas de coleta seletiva do seu bairro, por exemplo, provavelmente vai consumir de forma consciente os materiais e insumos da empresa para qual for trabalhar.
Além disso, na hora de comprar um novo equipamento para a organização, o funcionário vai se preocupar com o custo/benefício que irá proporcionar para a empresa, apresentando a opção de um produto mais econômico.
Imagine se todos os funcionários adotassem medidas parecidas? O quanto a empresa  economizaria com energia elétrica, com água; por conta de alterações em processos, com  copos plásticos e outros materiais? Que tal fazer um teste na sua empresa?
Primeiro “abra a mente” dos colaboradores para esta cultura através de palestras e treinamentos, depois meça os resultados e calcule o quanto a sua empresa pode economizar no final do mês.
produtividade-no-trabalho..jpg

4 - Aumento da produtividade nas empresas.

Tem coisa pior do que pedir algo a uma pessoa e ela fazer com má vontade? Observe o resultado do trabalho dela. Um caos! Em seguida, compare-o com outra pessoa que faz o mesmo trabalho, só que agora com empenho e dedicação.
No primeiro caso aposto que vão haver erros e muito a ser refeito; já no segundo, mesmo com alguns defeitos, pequenos ajustes já serão suficientes para corrigir o trabalho.
Agora imagine se essa má vontade ocorresse numa construção civil, por exemplo! Quais seriam as consequências? Perda de tempo e de materiais, atraso de obra, dobro de gastos e muito arrependimento da contratação.
Quer saber qual o segredo para conquista de trabalhadores motivados e engajados? Com certeza o colaborador que citamos no segundo caso teve empenho e dedicação porque gosta do que faz, se sente reconhecido e tem um propósito maior pelo qual trabalha; que vai além do financeiro e da família. Propósito, aqui está o segredo!
Desta forma, a RSE se torna uma estratégia de RH fundamental para a produtividade das empresas pois gera o propósito que estimula naturalmente a qualidade do trabalho, reduz retrabalhos, agiliza processos e aumenta a produção das empresas..

5 - Mantém uma cultura de conduta ética na empresa.

Quem de nós brasileiros nunca ouviu a expressão “vou dar um jeitinho brasileiro”? Esta frase tem lá seu tom de humor, mas no fundo oculta pequenos delitos e desonestidades que muitos culturalmente adquiriram na sua conduta pessoal.  
As organizações são opostas a este conceito. Afinal, qual é a empresa que não quer o máximo de honestidade e confiabilidade por parte de seus funcionários?
Neste contexto, a RSE é uma excelente estratégia de RH porque tem influência positiva no comportamento das pessoas e isso contribui muito para a conduta ética nas relações empresariais.
Os projetos de Responsabilidade Social Empresarial, quando bem aplicados, são ferramentas fundamentais para as organizações pois colaboram para a manutenção de princípios de ética, de  transparência, comprometimento e respeito em seus relacionamentos organizacionais.
Você consegue identificar princípios éticos na sua empresa? Se sua resposta for negativa,  o primeiro passo é compartilhar o conhecimento que você adquiriu até aqui, levar o assunto para as reuniões internas da sua empresa e ir aos poucos colocando em prática esta nova experiência.
Toda conquista começa pela decisão de tentar, mas lembre-se que quem não tem a coragem de dar os primeiros passos vai ficar sempre no mesmo lugar. Por isso, pare de esperar e tome você a iniciativa de dar o primeiro passo para transformar a realidade da sua empresa.
A Responsabilidade Social Empresarial, é de fato, uma excelente oportunidade para o desenvolvimento de pequenas, médias e grandes empresas.



 

Vanessa Modaeli